Em 1824, âncoras de navios alemães foram jogadas nas águas do Rio dos Sinos, trazendo imigrantes que aqui desembarcaram e fizeram sua história, pois trouxeram consigo sua cultura e o apreço pela boa cerveja.

Passado alguns anos, descendentes desses imigrantes buscaram na essência, a lei da pureza alemã, elaborando uma bebida de puro malte: a 1824 Imigração, cerveja brasileira nos moldes alemães.

A lei da pureza alemã, foi promulgada em 23 de abril de 1516, pelo Duque Guilherme IV da Baviera, que permite o uso apenas de água, malte e lúpulo para a produção de cerveja.

Produzidas de acordo com a lei da pureza alemã e matéria prima importada da Alemanha e Bélgica, a Cerveja Imigração garante uma cerveja de alto nível, realçando o sabor e o aroma das cervejas especiais puro malte.

Ingredientes

água, malte e lúpulo.